2 de fevereiro de 2015

Parenthood

Já aqui disse várias vezes o quanto eu adoro esta série. 

Num dos episódios, da última temporada, que vi no fim de semana dei por mim a chorar que nem uma Madalena... É uma cena em que o patriarca Zeek Braverman vai falar com o genro Joel por causa da separação deles. Chama-o à razão. Fá-lo ver que ele ter saído de casa não foi uma decisão correcta, que não foi para desistir da filha e da família que levou Julia ao altar e a entregou ao futuro marido, em quem confiava plenamente... E eu quebrei num pranto. Também foi o meu pai que me "entregou" ao meu marido, mas já cá não está se eu precisar da ajuda de uma conversa de homem para homem... E senti-me órfã de pai. E chorei. Chorei o resto do episódio.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!