28 de fevereiro de 2019

O nascimento dos filhos e a privação do sono

Este artigo do Expresso diz que "Pais podem sofrer de privação do sono até seis anos após nascimento do primeiro filho"Felizmente, com filhos com 9, 5 e 3 anos já são muitas as manhãs em que acordo com o despertador, ou com um deles a esgueirar-se para a minha cama... Ainda no outro dia dizia a Kika, baixinho: "já há soli..." Porque agora que ela está mais crescida e já dorme numa cama de crescida tivemos de lhe explicar quando é que ela podia sair da cama... (sem ser para ir fazer xixi) quando nasce o sol! A nossa casa é iluminada por uma linda luz matinal, por isso, é fácil sentirmos o dia a nascer... Mas foram anos e anos a dormir mal, a acordar para dar de mamar, a acordar porque queriam colo, porque tinham cólicas, porque estão doentes e chorosos (estas doem na nossa alma, quando não os conseguimos reconfortar), a acordar porque tinham perdido a chucha (para isto, a Kika ainda me chama de vez em quando)... Anos e anos de privação de sono. Confesso que foi das coisas que mais me custou nestas lides da maternidade... Noites e noites sem dormir, a dormir mal, a apanhar frio à noite ao sair da cama... Bem sei que dentro de uns anos não vou dormir bem à noite porque começam eles a andar  na noite, a sair com os amigos... Mais uma fase. São tudo fases. E fazem todas parte. A mim resta-me aproveitar sempre e bem todas as noites bem dormidas. Sim, porque comecei a olhar para as noites bem dormidas com gratidão.

Confetis ecológicos!


Eu já tinha feito por graça, como contei aqui, mas depois a escola do meu filho mais velho agarrou a ideia e pediu a todas as crianças que levem para o desfile confetis ecológicos! Tem sido uma semana de trabalho árduo. É a loucura. São horas e horas a fazer bolinhas, rende muito pouco... mas a ideia é muito gira e é um trabalho de equipa, o filho fura folhas, o pai fura folhas, a mãe fura folhas... a vantagem é que esta semana não adormeci no sofá a ver televisão porque estava entretida... a furar folhas!

A Amiga Genial.. a série

Adorei os quatro livros da série A Amiga Genial. Estava doida para ver a série... e não me está a encantar. Já vi três episódios, mas sem grande entusiasmo... Vou continuar a ver, mas até agora tenho-me desiludido... Está disponível na HBO Portugal.

26 de fevereiro de 2019

Eu não dispenso os livros de papel...

... mas faço muita pesquisa e leio muito no computador. Mas para ler romances, para a minha leitura de prazer de ficção, só em papel... mesmo que muitas vezes quase que fique com tendinites por causa do peso dos livros... Este artigo fala das diferenças da leitura e aprendizagem em papel ou em versão digital. 

25 de fevereiro de 2019

Tinha dito que não lhes comprava fatos novos!

Não concordo com isto de comprar fatos novos de Carnaval todos os anos. Eles têm um mega baú cheio de disfarces e a ideia é irem usando, inventando, brincando... Mas tanto me melgaram, que lá fui tratar do assunto, mas não lhes disse nada... e fiz surpresa...


e as reclamações que tive... que não eram estas as máscaras que queriam, que isto e que aquilo... e eu a pensar que estas crianças de hoje em dia têm uma tendência para serem mal agradecidos... por muito que na educação do dia a dia os tentemos contrariar, lhes mostremos a importância de dar graças, de dar valor , parece que primeiro têm de refilar... fiquei enervada, perdi tempo a tratar do assunto, fui fazer uma surpresa, escolhi máscaras que lhes dizem alguma coisa, que eles gostam, que depois podem ficar com elas para as brincadeiras cá de casa... mas não! não era bem isto... eles é que queriam ir, escolher... é preciso mesmo respirar fundo mil vezes! 

24 de fevereiro de 2019

Mais uma ementa semanal

A nossa ementa para esta semana
  • 2ª feira
Bifes de frango no forno com cogumelos, espinafres, pesto e queijo. Acompanha com arroz e salada.
  • 3ª feira
Pescada no forno com sumo de laranja e ervas. Acompanha com puré de batata e bimis.
  • 4ª feira
Chili vegan, daqui. Acompanha com arroz de jasmin.
  • 5ª feira
Pernas de frango assadas com batatinhas. Acompanha com salada.
  • 6ª feira
Rolo de carne recheado com queijo e fiambre. Acompanha com esparguete e salada.
  • Sábado e domingo
Nunca há ementa planeada para o fim de semana, gostamos de aproveitar o tempo em família e com amigos, em nossa casa, ou fora... 

Gostei muito deste livro!


Muito bem escrito e cativante, e relembra-nos os horrores que há séculos e séculos os homens fizeram e fazem em nome de Deus. Neste romance muito intenso entramos pela história da inquisição Portuguesa em Goa e todas as atrocidades feitas na época, em nome da Igreja. Recomendo a leitura.

18 anos de uma menina muito especial!💓


A madrinha da Kika - filha do padrinho do me filho mais velho - fez 18 anos e houve um jantar e uma festa surpresa, muito gira, com direito a disco e tudo! Os meus filhos estavam felizes e aguentaram até depois da meia noite! A Kika estava delirante... a madinha fazia anos e ela estava num jantar de crescidos! Amigos que são família, e que fazem parte da nossa vida e que estão sempre connosco! 


23 de fevereiro de 2019

A primeira ida à praia de 2019!

Acordámos com o silêncio de uma casa vazia sem filhos! Uma manhã linda. Ficámos na ronha na cama, mas o dia estava de sol e fomos buscar os nossos filhos a casa de um casal amigo, onde na véspera eles ficaram a dormir, e fomos almoçar à Costa da Caparica! Que dia de sol abençoado! Claro que os meus filhos  mais velhos deram o primeiro mergulho do ano! Estava um dia mesmo lindo, com aquele sol que aquece a alma e nos dá energias para a semana!


Vivemos mesmo numa cidade abençoada! Poder sair de casa, atravessar a ponte e estar a almoçar, com os pés na areia, é mesmo um luxo bom!

22 de fevereiro de 2019

Mais um livro da biblioteca para a minha mesinha de cabeceira!


Este é o 2º volume da coleção Freelncer. Já li o primeiro volume, O Espião Português, e vou agora começar o segundo.
Tenho lido vários livros deste autor, e gosto bastante da maneira de escrever e das personagens. O tom é ligeiro e empolgante, com alguma espionagem à mistura.

21 de fevereiro de 2019

Sempre fui ratinha de biblioteca, como me dizia o meu pai...

Sempre adorei estar no meio de livros, sempre gostei de ir para a biblioteca, da calma, do cheiro dos livros... Só na adolescência é que não era nada cool dizer-se que as bibliotecas eram um sítio fixe! Felizmente, aos 40, podemos pensar e dizer e fazer tudo o que gostamos sem problemas com o que os outros pensam. E eu adoro bibliotecas. E muitas vezes troco a minha sala, que faz de escritório, pela biblioteca, onde trabalho sossegada. E hoje aproveite que tinha livros para devolver e outros para recolher, e fiquei por lá a escrever.

Bom dia!

Hoje deixei o filhote mais velho na escola e antes de começar a trabalhar fui ao meu café especial, tomei pequeno almoço reforçado e acabei o livro que tinha de ser entregue na biblioteca. Precisava desta meia hora para mim. E de começar o dia com calma.

20 de fevereiro de 2019

Uma série mesmo gira!

Adorei a série Big Little Lies por vários motivos: a história é altamente, a representação muito boa, não fica aquém do livro, apesar do livro ser ainda mais especial, mais saboreado... e o melhor de tudo, só tem 7 episódios, o que significa que não vamos estar anos a arrastar a série, à espera da próxima temporada, quando já nem nos lembramos do último episódio que vimos. Mesmo quem não queira pagar a mensalidade da HBO pode experimentar um mês grátis e ver esta série.

19 de fevereiro de 2019

Estou em transe com a livraria Bertrand! Parte II

Resolvi contactar a editora do livro desta saga da religião e moral. Enviei um email a explicar o que tinha acontecido na Bertrand e... já me ligaram e já me vão enviar o livro por correio, ainda hoje. Nem sequer tinham indicação da Bertrand... a senhora lamentou profundamente que a Betrand tivesse passado uma imagem tão negligente da editora, que diz-se sempre disponível para resolver tudo e que tem lá dezenas de livros à disposição das crianças. Problema resolvido. Mas a Bertrand ficou muito mal na fotografia!! 

Mamografia e Ecografia mamária anual

 
Todos os anos repito os exames. Todos os anos vou com um friozinho na barriga e todos os anos tenho sido abençoada com um "está tudo bem, pode ir descansada". E aí, dou graças e respiro de alívio. A prevenção é super importante e não nos podemos desleixar ou deixar para depois. Temos de cuidar de nós. E agradecer as boas notícias.

Estou em transe com a livraria Bertrand!

Este ano a compra de livros escolares na Bertrand correu pior do que mal. No fim de muitos stresses lá consegui ter os livros do meu filho mais velho. Há mais de um mês ele chega a casa e diz-me que lá pela página 20 do livro de religião e moral passava para a página 40... coisa menos coisa, que já não me recordo das páginas certas. Fui à Bertrand. Aproximei-me do balcão e mal o empregado me vê com um livro escolar rosna um: não trocamos livros escolares! Eu respondi-lhe que podiam não trocar, mas eu queria que me resolvessem o problema já que faltava metade do livro. Recebeu o livro e disse que ia mandar para a editora, que não tinham livros daqueles e que não era com eles. Passado um mês vou lá e dizem que não têm notícias, fizeram o que lhes competia, que era mandar o livro, e agora não era com eles... Perguntei se depois de enviarem o livro há mais de um mês tinham ligado, sabido alguma coisa e disseram que não tinham de o fazer. Basicamente estão-se nas tintas se o meu filho fica um mês ou seis meses sem livro... Espero que este problema seja resolvido, mas a Bertrand perdeu uma cliente... 

Voltei para a segunda sessão da massagem terapêutica...

.... e depois fiz também massagem de relaxamento de uma hora. Dormitei, senti o calor nas costas, deixei-me relaxar... vim de lá a levitar! Recomendo vivamente esta terapeuta. A Maria João é muito profissional, com excelente formação, muito atenta, simpática e preocupada. Podem espreitar o site da Maria João, aqui. E não pensem que é publicidade paga, que não é. Sou mesmo eu a partilhar uma boa descoberta, graças à minha amiga C., que pode ajudar outras mulheres que tenham dores e contraturas musculares deste stresse e correria em que andamos. Para mim, foi milagroso. Quando a minha amiga lá me levou na 5ª feira eu não mexia o pescoço... estava há 24 horas com uma dor paralisante... Agora, o meu desejo é conseguir ir uma vez por mês para relaxar e combater os efeitos negativos do stress. 

18 de fevereiro de 2019

Um artigo cheio de verdade

Esta entrevista ao Mário Cordeiro foi-me hoje enviada por esta amiga que sabe que estou cansada, nos limites e a sentir-me engolida... E logo a história da noite já vai ser com outra calma, menos stress... menos correria... O problema tem sido que apesar de jantarmos cedo - eles demoram horas a comer - depois demoram que tempos entre o lavar dos dentes, o pijama... e o relógio não pára, e eu preciso que eles vão dormir porque lhes faz bem muitas horas de sono, e porque eu também preciso de um bocadinho para mim, ou para trabalhar, para namorar, para ler ou ver televisão... 

Resolução de início da semana

Depois de ontem nos termo zangado muito combinei hoje de manhã com os meus filhos que esta semana não me vou zangar, porque eles vão colaborar em tudo! Não porque têm medo que eu me zangue ou que grite ou que ameace pendurá-los na corda da roupa, mas porque querem colaborar, porque não me querem à beira de um ataque de nervos!! Tenho fé e esperança que quando pedir para arrumarem, eles arrumam... quando pedir para irem lavar os dentes, eles vão... quando disser para irmos para o quarto ler uma história, eles vão... espero que não andem sempre às bulhas e que entendam de uma vez por todas que nesta casa nova, de 90m2, não dá para para jogar à bola! tudo branco, tudo lacado... não quero boladas, nem de espuma! Até porque só temos de descer à rua onde temos dois campos de futebol e um parque infantil, onde os levo todos os dias, para libertarem energia! No finak da semana conto como correu!

Esperteza mini...





Numa casa pequena, e cheia de gente, 3 filhos enchem bem uma casa, é preciso cada um encontrar o seu espaço... A mini Kika agarrou no Ipad e encontrou um cantinho à sua medida... 


Ementa semanal

A ver se consigo partilhar, de forma mais ou menos regular, as semanas as nossas ementas. Fica aqui mais uma sugestão. Há sempre um dia sem carne nem peixe.
  • 2ª feira
Massa chinesa com cogumelos e carne, daqui.
  • 3ª feira
Empadão de batata doce e bacalhau. Acompanha com salada.
  • 4ª feira
Esparguete à bolonhesa com salada verde.
  • 5ª feira
Filetes de pescada no forno temperados com ervas aromáticas, sumo laranja, sal, funcho e  azeite, acompanha com puré de batata.
  • 6ª feira
Esparguete com molho courgete e queijo creme, daqui.
  • Sábado e domingo
Desde que mudámos de casa temos sempre amigos e família para almoçar/ lanchar/ jantar... E com a minha nova cozinha americana é um gosto estar a cozinhar, fazer bolos, preparar tudo ali, no meio da conversa... 

17 de fevereiro de 2019

Este fim de semana os meus rapazes estiveram sempre a testar os limites...

Sinto-me a desfalecer, zanguei-me, gritei, perdi a cabeça, disse o que não queria... mas bolas!! Ter de repetir tudo mil vezes?!! Demorar uma hora para sair de casa só porque não estão nem aí... Ignorar os  nossos pedidos, fazer ouvidos de mercador... Foi mesmo cansativo! Sinto-me tensa e cansada. Eu e o meu marido precisamos de um break, de um fim de semana de namoro, de descansar, de não nos zangarmos, de não repetirmos mil vezes a mesma coisa! Odeio ser a chata de serviço... odeio estar sempre a zangar-me com as três pessoas que mais amo no mundo, se bem que os rapazes é que estão mais difíceis...

16 de fevereiro de 2019

Quando cai a noite estamos no parque...


... É tão bom!! Aproveitar todos os minutos de ar livre, de sol... de final de dia. Eu adoro. Os meus filhos adoram. 

15 de fevereiro de 2019

Eu, família numerosa, protesto!!!

A maioria dos hotéis não permite que uma família com um casal e 3 crianças (os meus têm 9, 5 e 3) fiquem no mesmo quarto! Como é óbvio não vou reservar dois quartos... não me faz sentido! Temos os Vila Galé, o Aqualuz em Tróia... e pouco mais... e os preços são sempre proibitivos... Não é justo! E eu que tenho saudades de um fim de semana de hotel... apetecia-me mesmo!! 

Mais um dia de greves com a escola fechada




Compreendo as greves, as reivindicações dos professores e dos auxiliares, mas quem é mais prejudicado nisto tudo são as crianças, que ficam sem aulas, com um currículo super extenso para dar, e os pais, que ficam muitas vezes pendurados.... Eu tenho sorte, posso trabalhar em casa, portanto não me atrapalha nada ter o mais velho comigo... Eu trabalho sossegada e ele tira a barriga de misérias de Netflix, HBO e tudo o mais sem ter de partilhar a televisão com ninguém... mas sei que para algumas famílias é uma dor de cabeça...

14 de fevereiro de 2019

Há amigas que chegam quando estamos nos 40...

... e que chegam com uma força tal e de uma forma tão certeira, que só podem ter esta dimensão graças a maturidade da idade, às perdas da vida e a quem nós somos, já numa jornada grande... Já sabemos quem somos e quem queremos perto. São pessoas que há 2/ anos nem existiam na nossa vida, mas agora quase nos perguntamos como era possível?! É bom ter quem nos dê colo aos quarenta. E às vezes não é a mãe nem a tia... É esta amiga que veio de longe e que está mais disponível para nós. Ontem, por cansaço acumulado e um pico de stress que estou a viver, dei um mau jeito ao pescoço e fiquei sem me conseguir mexer para a direita. Quando esta amiga soube marcou-me com uma massagista terapêutica prima dela (que por acaso é maravilhosa e com uma energia e uma luz como a que entrava pela janela do gabinete dela hoje de manhã), perdeu horas de trabalho, levou-me ao Estoril, esperou por mim enquanto fiz uma terapia de 1h30 e trouxe-me... E eu estou nova, adorei a energia da terapeuta e tenho o coração a rebentar de alegria neste dia do "Amor".  A nossa rede de pessoas que gostamos e que gostam de nós somos nós que a fazemos... e mesmo em adultos aparecem amigos que vão ficar para a vida! 

Hoje, uma sugestão Netflix

Um filme muito bonito. Gostei muito.

13 de fevereiro de 2019

Ainda há um longo caminho a percorrer...


É urgente mudar pensamentos, comportamentos... e fazer ver as entidades patronais que não são só as mães que têm de ficar com os filhos doentes em casa ou sair mais cedo para estar na escola até às 18h! 

Ontem ao final da tarde senti a Primavera a chegar...

Sei que ainda temos mais de um mês de Inverno pela frente, mas ontem o dia pareceu-me já maior, já não escurece tão cedo, e mesmo quando caiu a tarde a temperatura amena fez-nos ir para o parque, antes de subir para casa... estava tão bom. Gosto tanto de ar livre e de andar com os miúdos na rua. Foi mesmo bom...

12 de fevereiro de 2019

HBO Portugal!

A vontade que dá de meter assim um mês de férias... uma licença sabática só para ficar a ver séries e filmes! Ontem registei-me na HBO Portugal e comecei a ver a série Big Litle Lies!

Adorei o livro que deu origem à série, e estava super entusiasmada por poder a ver a série... mas 10 minutos depois adormeci! A culpa não é da série, acreditem... é mesmo do cansaço acumulado, e quando me enrosquei na cama quente para ver... foi certinho e direitinho! Logo tento outra vez! E há lá tantas coisas boas para ver, como a adaptação dos livros maravilhosos d' A Amiga Genial!

10 de fevereiro de 2019

O meu filho Afonso tem de jogar no Euromilhões!

Hoje à tarde, em conversa, diz o Afonso: hoje o Benfica vai ganhar 10 a 0. Toda a gente riu... Oh, mano, não dá tempo, dizia o mais velho!

Eu estou a tentar trabalhar e só ouço, golo... golo... golo... 10 a 0!! Os meus rapazes estão ao rubro! A vizinha de baixo deve estar doida com os pinotes!

9 de fevereiro de 2019

Porque acredito que a alimentação saudável é fundamental...


Tento comprar produtos nacionais e sempre que posso, biológicos. Estou rendida aos biológicos do Aldi, que têm preços bons, já que somos 5 pessoas e grande parte do nosso orçamento vai para a alimentação. A fruta e os legumes estão presentes todos os dias, em todas as refeições, e os "disparates" são a excepção. Não proíbo nada, mas controlo muito e durante a semana não entram asneiras alimentares... 
Tento que os meus filhos percebam que a alimentação saudável é fixe, saborosa e que aquelas porcarias tão apelativas dos anúncios (manhãzitos e afins) são só para de vez em quando!

Falta de tempo para partilhar as ementas semanais

Tenho tido falta de tempo para partilhar as nossas ementas semanais, mas elas fazem parte do nosso dia a dia e são fundamentais para a minha gestão de tempo e para evitar o desperdício. Hoje deixo-vos uma sugestão para a próxima semana. Planeio à sexta ou ao sábado, faço as compras e já está! Tudo pensado e preparado para a semana.
  • 2ª feira
Quiche de perú (tinha umas sobras congeladas), alho francês, milho, espinafres - estendo a massa na tarteira, faço refogado disto tudo, e depois à parte bato 3 ovos, queijo ralado e natas de soja e deito por cima e vai ao forno e já está. Acompanha com salada verde.
  • 3ª feira
Empadão de batata doce e carne, daqui. Acompanha com salada verde.
  • 4ª feira
Chilli vegetariano com arroz basmati, daqui.
  • 5ª feira
Frango assado no forno, daqui.
  • 6ª feira
Esparguete com molho courgete e queijo creme, daqui.
  • Sábado e domingo
Desde que mudámos de casa temos sempre amigos e família para almoçar/ lanchar/ jantar... E com a minha nova cozinha semi-americana é um gosto estar a cozinhar, fazer bolos, preparar tudo ali, no meio da conversa... 

8 de fevereiro de 2019

Cá em casa, defendemos sempre a rua e a brincadeira!

E é uma luta constante que tenho com a IPSS dos meus filhos mais novos que encafua as crianças nas salas e no ginásio em Outubro, não vão apanhar uma constipação... Mas é ao contrário, todos enfiados em salas aquecidas é que faz mal! Faço sempre um comentário quando chego à escola, numa daquelas manhãs de Lisboa, cheias de sol de inverno, e estão no interior. Ah, e tal... está frio! Estão 10º, malta! Casacos e tudo lá para fora. Quem tem frio são as educadoras/auxiliares que não correm, não brincam com eles... Este ano houve grande surto de Gripe A lá na escola e eu pedi para verem com o Centro de Saúde se era preciso alguma medida extra de limpeza... e de lá disseram que eram os procedimentos habituais de higienização das salas, mas o mais importante era manter as crianças ao ar livre! Até dei saltos de alegria! Um bocadinho mais de pressão para os miúdos irem para o recreio, ao ar livre! Leiam aqui mais um artigo sobre os benefícios da vida ao ar livre, aos saltos e pulos, a esfolar os joelhos e a sujarem as unhas com terra!

7 de fevereiro de 2019

Os 3 R's já faziam parte, mas esta imagem dá-nos 5! E não resisti em partilhar!

Encontrei esta imagem no Facebook de uma amiga e achei tão fixe! Eu sou muito focada na educação ambiental e os 3 R's (Reduzir, Reciclar e Reutilizar) já faziam parte não só do meu dia a dia, como do dia a dia dos meus filhos para quem este cuidado faz tão parte da vida deles como a higiene pessoal ou a boa educação. Porque só educando os mais pequenos podemos ter esperança em dar a volta à situação dramática em que se encontra o nosso planeta. Todos os meus filhos sabem reciclar, desde muito pequenos, e haviam de ver o "ralhete" que deram à minha mãe quando  deitou uma embalagem de plástico no lixo orgânico... Hoje fiquei a conhecer mais dois R's: recusar e repensar! 

Que susto! Ia levando com duas trotinetes!

Ou melhor, ia levando com dois adolescentes em cima do carro porque eu estava a entrar numa rotunda, e eles resolveram sair pela mesma rotunda, em sentido contrário, e na minha faixa! Tive de me desviar para não os atropelar! E ainda refilaram! No outro dia também vi dois miúdos montados na mesma trotinete, a abrir, no meio dos carros. Tudo adolescentes, aquela altura em que todos nos achamos imortais. Mas não somos. E as desgraças não acontecem só aos outros. E tem havido muitos problemas com estas trotinetes... como se pode ler neste artigo. E é só um exemplo.

O meu filho vai para o 1º ciclo... e talvez a Kika mude também para um novo JI

O meu filho do meio vai para o 1º ciclo. E se do mais velho não tive a mínima das dúvidas em relação à escola, desta vez estava cheia de dúvidas... A escola do mais velho, perfeita para ele, não era a indicada para o meu outro filho... A escola é enorme, 500 alunos de JI e 1º ciclo, uma nova direção que não ouve nem quer saber da opinião dos pais, poucas auxiliares... O mais velho adora lá andar, está no 3º ano e é muito feliz lá. E eu comecei a ver as escolas básicas mais perto da casa nova (isto até parece tonto, já que estamos a falar de uma distância de 1km para a casa antiga), mas é um agrupamento diferente. Visitei noutro dia uma escola, mas hoje visitei a escola! Fui recebida pela coordenadora, que numa conversa amistosa e simpática, me mostrou a paixão pela educação, a prioridade das crianças na gestão da escola, o seu ponto de vista em relação ao ensino, às novas tecnologias, à  educação para a igualdade... percebi porque é que me tinham dito que aquela era uma ótima opção. Adorei a professora e percebi que aquela escola mais pequena e familiar, muito dedicada, exigente em termos de ensino, mas onde a palavra carinho veio várias vezes à baila na reunião, é a escola ideal para o meu filho Afonso, mesmo que durante 2 anos vá ter aulas em contentores, que a escola vai ter obras. É só fazer figas para entrar, porque a da nossa morada é outra, também muito boa... mas não tão boa!

e o melhor desta minha primeira opção... mesmo ao lado, um Jardim de Infância público para a minha Kika... Pelo menos, estes dois ficavam muito perto. E eu tenho-me vindo a desencantar com a IPSS onde ela está, onde teve azar com a educadora, onde por exigência minha a mudaram de sala por causa da educadora (podem ler este e este post), onde houve queixas das auxiliares contra essa educadora, onde a direção recusa dizer que queixas graves eram essas, de coisas passadas na sala, e onde a direção esconde, não fala... avancei agora com um pedido de fiscalização à segurança social e acho que começa a ser difícil manter lá a miúda. Uma escola com muitas maravilhosas que acompanharam os meus outros filhos, auxiliares fantásticas, e uma educadora horrível, agressiva, sem gosto nem paciência, que estraga tudo... que já teve processos, outros abafados, que já fez com que dezenas de crianças saíssem da instituição... mas que é protegida da direção... e quando me dizem que só algo em flagrante os vai fazer avançar... e eu perguntei se era preciso ela atirar uma criança pela janela... mas parece que em Portugal esperamos pelas desgraças...

Confetis de folhas secas

Ontem quando fui buscar o filho mais velho à escola ele vinha triste, com uma folha de árvore na mão: oh, mãe, os meus colegas não escolheram a minha folha para o herbário... havia outras iguais e a minha foi a única que ficou de fora. Aguentei o meu coração de mãe, não desvalorizei a tristeza dele, dei-lhe um abraço grande e depois lembrei-me de uma coisa que tinha visto na Internet: confetis de folhas secas! Falei-lhe na ideia e ele sorriu. Já à noite, depois de os deitar, e enquanto descansava a ver televisão, fui buscar o furador. 


E mandei-lhe na mochila confetis feitos com folhas secas! Para fazer confetis para uma festa, são precisas centenas de folhas, mas esta enorme folha de plátano deu para fazer um mini saquinho de confetis, que ele vai hoje mostrar na escola à professora! E uma folha e uma cara triste deram forma a uma ideia engraçada!

Leituras novas...

Para o filhote mais velho...



E para os três, que o mais velho ainda gosta de ouvir as histórias infantis que eu conto aos manos.



Vieram da biblioteca, depois de eu os ter requisitado online.

6 de fevereiro de 2019

Não sei se passa pela meditação...

... mas a verdade é que precisamos todos de abrandar um bocadinho. Eu adoro as minhas aulas de body balance e de stretching, que me ajudam a focar na respiração, a ouvir e sentir o meu corpo, num ambiente propício ao relaxamento e à paz. No ano passado fiz várias sessões de meditação, num centro virado para o mindfulness, e souberam-me pela vida... Era tão, mas tão bom, que vou conseguir arranjar novamente tempo para ir. É apenas uma hora e meia por semana, na hora de almoço, que faz toda a diferença... Agora bateu-me umas saudades dessa sessões, que me ajudavam a olhar para dentro...  E acredito que promover momentos de meditação nas escolas ajuda a abrandar, a fazer uma pausa. A professora do meu filho mais velho faz 10 minutos de meditação com eles depois do recreio grande do almoço, para os ajudar a acalmar. Os miúdos gostam. E há cada vez mais exemplos, como este aqui.

Zapping...

A minha filha a escolher os desenhos animados...
Ficou vidrada no snooker... Não durou muito, mas esteve ali uns minutos atenta!

5 de fevereiro de 2019

Cá em casa somos fãs da Ovelha Choné!

"Numa parceria com a Monstra, o Museu da Marioneta (em Lisboa) vai ter uma exposição com os modelos usados pelos estúdios Aardman. Vamos poder ver os bonecos usados na série Ovelha Choné e no filme A Fuga das Galinhas!" 

E esta vai ser uma exposição a não perder!  A entrada é gratuita e inaugura dia 14 de fevereiro. Vejam mais informações aqui e aqui!

4 de fevereiro de 2019

Mais um grande filme!!


Que filme! Amei!
Tudo bom!
Ainda no outro dia o meu filho mais velho me perguntava o que era o racismo... E isto não aconteceu assim há tantos anos. A minha cunhada mais velha viu o filme connosco e o filme passa-se no ano em que ela nasceu... 

1 de fevereiro de 2019

Sou refilona e faço reclamações quando acho que devo, mas gosto muito mais de elogiar!

E não me canso de elogiar o meu centro de saúde, a unidade de saúde familiar a que pertenço, e da qual me ligaram agora a marcar a consulta com o médico de família e a vacina dos 5 anos do meu filho. Eu andava há algum tempo a pensar em ligar, mas entretanto foi ao pediatra, e eu adiei.. ia ligar, mais para o final do mês. Eles anteciparam-se, ligaram, marcámos e já está. Além dos parâmetros normais, vai ser observado ao nível da visão, para garantir que está tudo ok em Setembro, quando iniciar o 1º ciclo. Eu só tenho de dar graças e elogiar, em 13 anos como utente, nunca me falharam, nunca me deixaram sem consulta, nem a mim nem aos meu marido, nem aos nossos filhos... Tanto é que já mudámos de casa, mas não troco o meu centro de saúde antigo por nada. Ao mudar a residência para outra área, apenas perdemos os domicílios. De resto, temos tudo. E eu só tenho pena de ver nas notícias que nem todos os portugueses, cidadãos e contribuintes como eu, tenham o mesmo acesso a serviços de qualidade e de atenção.