10 de fevereiro de 2015

Coração apertado de mãe

Custa sempre muito vir trabalhar e deixar um filho doente. Claro que fica bem com a minha mãe, claro que tem todo o mimo do mundo da avó, mas era eu que gostava de ficar com ele neste dia em que as borbulhas da varicela começam a dar comichão e mau estar.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!