27 de março de 2015

Fui injusta com o meu filho mais velho, e isso partiu-me o coração



Fui buscá-los à escola, como todos os dias, e o meu filho mais velho traz na mão um pequeno espelho cor de rosa. Eu pergunto de quem é e ele diz que é dele. Eu digo que ele está a fazer confusão e que não é. Ele diz que é e começa a chorar. Diz que é da caixa de magia. Eu não me lembro de ver o espelho – mas pensando bem não liguei nenhuma à caixa que ele recebeu e foi o pai que brincou com ele – e os objectos eram todos vermelhos e pretos. Acho que o meu filho me está a dar tanga. Aquele espelho parece dos espelhos dos kit’s das meninas. Ele chora mais. É dele, é dele! Eu acedi a levar o espelho para vermos com o pai se ele não estava a fazer confusão. Se queres muito um espelho, a mãe compra-te. E ele chora e diz que é dele. Levo o espelho no bolso e quando o pai conforma que o espelho é do nosso filho sinto-me mal por ter duvidado dele. Dei-lhe o benefício da dúvida, é certo, ao trazer o espelho para casa, mas estava mesmo convencida que não era dele. Pedi desculpa com todo o sentimento. Mas eu nunca tinha visto tal objecto e eu achava que conhecia todos os brinquedos dos meus filhos. Aprendi a lição. Confiar nos nossos filhos. Não há nada pior que eles sentirem-se injustiçados. Fiquei com o coração mesmo pequenino.

1 comentário:

  1. Já me aconteceu! Os kits da bonecada trazem tantas peças pequenas que nós nem ligamos mas que eles sabem de cor e salteado o que é de onde!
    Com certeza ele já esqueceu!! :)
    Um beijinho

    ResponderEliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!