18 de março de 2015

Bebés sintéticos

Concorde-se ou não com a opção dos casais homosexuais terem filhos não há direito de chamar sintéticos a bebés nascidos através de Fertilização In Vitro, como fez recentemente a dupla Dolce & Gabbana. A minha sobrinha não é sintética (a minha cunhada teve 5 anos de abortos até ter conseguido ser mãe por FIV),  os dois filhos da minha melhor amiga nasceram por FIV (o homem com quem ela casou não poderia ser pai de outra forma e ontem), ontem, na minha consulta a médica disse que se avançássemos para a gravidez só tínhamos 6 meses para o fazer de forma natural - máximo de tempo que poderei estar sem pílula - e que depois teríamos de equacionar uma fertilização. Será que este bebé seria sintético? Seria menos digno que os irmãos que foram feitos da maneira convencional? E as centenas de mulheres que, tal como eu, sofrem de endometriose e que encontram na FIV a única esperança para serem mães? Será que os seus filhos são sintéticos?! Por favor!

1 comentário:

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!