23 de novembro de 2015

Fui desafiada!

Fui desafiada pela autora do blog Corrida de Obstáculos para escrever um pouco sobre mim e sobre o meu blog. Para participar tenho de: 1. Responder às perguntas realizadas por quem te nomeou; 2. Podem criar 10 perguntas diferentes ou apenas algumas ou usar as mesmas; 3. Marcar 3 a 10 pessoas para responderem a essas perguntas e, claro, avisá-las da nomeação. Eu estou com muito pouco tempo, por isso, vou aceitar as 10 perguntas que me foram feitas. E são elas:

1. Gostavas ou vês-te a viver do blogue? Não me vejo a viver do blogue, mas já não me vejo a viver sem ele! Mas não me importava que o blog me desse uns rendimentos extra, que em dois meses nasce a minha terceira filha e dava um jeitão mais uns trocos... !! 
2. Os olhos também comem? Vais parar a um blogue. Fechas assim que percebes que o layout não te agrada, ou ainda lês os conteúdos? Sim. Não consigo ler um blog que seja de difícil leitura e que não seja visualmente atractivo.
3. Se tivesses tempo e orçamento ilimitado, como seria o teu blogue? Compraria uma boa máquina fotográfica e fazia um curso de fotografia para depois poder aliar a fotografia aos meus textos. E depois também aprenderia a costurar, comprava uma máquina e fazia roupas giras para os meus filhos. E partilhava os moldes e o resultado final!
4. Se pudesses trocar o blogue com alguém, com quem seria. O meu blog é o meu cantinho, o meu diário, onde desabafo sobre as minhas angústias e onde partilho as minhas alegrias. Não trocava nada com ninguém, porque este é que é o meu espaço. É um espaço muito anónimo porque poucas pessoas das minhas relações pessoais o conhecem e todas, tirando o meu marido, cá vieram parar por acaso ou por um descuido da minha parte... Ou porque chegaram até mim através do blogue.
5. O que mais gostas de ler num blogue? Aventuras de outras mães, ideias giras para fazer com as crianças, receitas boas e práticas para o fim de semana... 
6. Gostavas de conhecer pessoalmente os autores dos blogues que segues? Algumas, sim. As que nomeei para o desafio, por exemplo, gostava de as conhecer a todas. 
7. (Já agora aproveito para tirar nabos da púcara) Define o meu blogue em meia dúzia de palavras... ou uma vá! É um blog feliz, onde encontro as história do dia a dia de uma mãe como eu, como as minhas amigas... 
8. Quais as 5 características mais irritantes que vês em blogues nos dias que correm? Acho que me vou ficar por uma: É o excesso de publicidade. E não critico. Porque se as marcas que eu gosto me vestissem as crianças, a mim própria e ainda me oferecessem fins de semana e brunchs eu também agradeceria e escreveria sobre isso (e eu já recebi alguns mimos de algumas marcas e também o fiz), mas há alturas em que no mesmo dia temos 10 blogs a falar sobre determinado tema e é um bocado enjoativo. Porque quando os blogues não tinham tanta publicidade eram mais genuínos... mais verdadeiros. Líamos um post e ok: este creme deve ser mesmo bom! Agora já não é tanto assim... 
9. Qual a tua maior fonte de inspiração para escrever no teu blogue? A minha vida, a minha família, a conciliação do meu trabalho com as exigências da maternidade, a gestão do meu dia a dia, as peripécias de uma mãe de dois que está prestes a tornar-se mãe de três!
10. Que características te prendem a um blogue? Criar empatia com quem escreve, gostar da maneira como escreve, da graça com que escreve... Nos blogues de receitas é apresentarem receitas simples, com ingredientes simples e nossos, sem extravagâncias nem palavras que me exijam dicionário:) E que sejam receitas que saem sempre bem.

E como tenho que nomear, aqui vai: O meu blog de receitas preferido, As Minhas Receitas, da Joana Roque (paracozinhar.blogspot.pt); A Marta Moncacha do blog Dolce far Niente (http://marta-dolcefarniente.blogspot.pt/) porque a acho uma inspiração, já troquei alguns emails com ela e simpatizo com ela, mesmo sem a conhecer, e porque é uma mulher de sorriso contagiante que, segundo sei, é assim no blog e na vida; e a Maria do blog Seismaisdois (http://seismaisdois.com/) porque adoro o blog dela, a postura descontraída dela como mãe de quatro filhos, a criatividade dela e porque tem um blog que apetece mesmo ler... 

E é mais ou menos isto!! 

1 comentário:

  1. Boa! Gostei muito de ler! Obrigada por teres aceite!

    ResponderEliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!