4 de outubro de 2015

Diário de uma grávida#51

Tenho que abrandar. Ando a mil à hora como se tivesse 30 anos. Não tenho. Estou a caminho dos 38 e tenho dois filhos pequenos que me fazem correr o dia todo e que têm uma energia inesgotável. Aguento bem durante o dia, mas chego à noite exausta. E já com algumas contrações. Hoje já fui votar (o meu filho adorou a escola onde fomos, e que é umas das possibilidades para o primeiro ciclo) e já fui ao supermercado comprar umas coisas que faltavam. A tarde vai ser passada em casa, tranquila e de ténis nos pés. 


Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!