19 de dezembro de 2014

O meu pedido ao Pai Natal

Filho grande, ao deitar, no nosso momento a dois depois da história, quando conversamos de alma e coração, sem telelevisao, sem saltos nem pinotes, sem o mano, só nós: o que é que vais pedir ao Pai Natal?
Mãe: vou pedir-lhe mais um mano ou uma mana... O que achas?
Filho, com os olhos a brilhar de alegria: sim, sim! Mais um mano!
Mãe: eu vou pedir, mas não sei se o Pai Natal pode concretizar o meu desejo por causa da operação que a mãe fez à barriga.
Filho: não fiques triste, temos o Afonso! Mas era giro ter mais um mano... E achas que o Afonso lhe batia? Ele está malandro e anda sempre a desafiar-me!

E é bem verdade. O besnico está a mostrar o Touro de Abril que há nele. Está mesmo um malandro e anda sempre a desafiar o irmão e a provocá-lo. Estamos cá nós para o pôr na linha!!!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!