19 de março de 2014

Um dia do Pai virtual

Haviam de ver a cara do Afonso a falar ao telemóvel com o pai via Tango. Via o pai no ecrã do telemóvel e queira agarrá-lo. Não estava a perceber nada, mas riu-se imenso e o que queria mesmo era agarrar o telemóvel. Foi um primeiro dia do Pai virtual, mas o importante é o amor que pai e filhos sentem um pelo outro. E o Alexandre acabou por resolver bem a ausência do pai e recebi uma fotografia muito gira com ele usando uma mega gravata a fazer fixe para o pai. E umas palavras lindas da educadora. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!