2 de março de 2014

Os primeiros sapatos

Os meus filhos andam só de meias até começarem a andar. Não precisam de sapatos antes disso. No verão, pé ao léu (que saudades) e no inverno collants e umas meias por cima. Quando começam a querer andar aí sim, compro os primeiros sapatos, que têm de ser bons e ter os suportes especiais para esta fase. (Eu nem sou grande fã da Chicco, mas acho que em termos de sapatos são muito bons e têm uns apoios fantásticos).

O Afonso ainda anda de meias. Mas como já se começa a pôr em pé e a querer dar passinhos já estou a pensar nos sapatos.

Mas e agora? Os sapatos que eram do irmão, e que ainda estão bons, são apropriados? Eu guardei todos, estão lá impecáveis, lavadinhos e prontinhos, mas acho que não se devem usar sapatos já usados. Ao usarmos os sapatos moldamo-los aos nossos pé e não é conveniente usar sapatos em segunda mão. (Claro que se uma mãe não tiver possibilidades para comprar sapatos novos usa os antigos e nem se coloca a questão, não é?) Como é que fizeram? Partilham desta minha opinião? Acho que é mesmo a única coisa que não se deve passar. Principalmente os primeiros sapatinhos.

2 comentários:

  1. bom sou suspeita porque trabalhei anos na Chicco mas os sapatos só servem para uma pessoa, colocar num bebé pequena uns sapatos que foram de outro é pior do que lhe comprar sapatos sem qualquer suporte.

    Bjos
    Maggie

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maggie.obrigada pelo teu comentário. Foi o que eu imaginei. Amanhã vou tratar de comprar uns sapatos ao pequeno Afonso.beijinhos

      Eliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!