9 de dezembro de 2013

Conto de natal da sala da creche

Meti-me numa alhada. A propósito do teatro das profissões todos os pais da sala do meu filho mais velho foram convidados a participar com algo alusivo ao trabalho. O que quisermos para ser combinado com as educadoras e, se for caso disso, com os restantes pais se envolver saídas e afins. E eu ofereci-me para ir contar um conto de natal escrito por mim, incluindo as 25 crianças da sala como personagens. Achei que ia ser mais fácil, até porque tinha já uma versão, contei-a por alto ao meu filho, mas ele não quis a personagem que lhe dei e coemçou a dar novas ideias, novas histórias e eu voltei à estaca zero. O público infantil é o mais exigente de todos e eu não os quero desiludir.
Desejem-me sorte.

2 comentários:

  1. Tão giro, boa sorte. Adoro contos. Se publicares o livro eu compro!
    Força! Vou ficar na expectativa.
    Boa sorte (não é que precises).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada!! E claro que preciso de sorte! Muita sorte!

      Eliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!