14 de maio de 2016

De mãe para filha!

Ou melhor dizendo, da avó para a neta!!

A minha mãe tinha guardado este meu vestido, que foi dos primeiros que vesti quando nasci. Eu e o vestido fazemos 38 anos para o mês que vem. O vestido é um amor, comprado em Espanha. E está novo!! Que venha o calor!!

Eu e a minha mãe somos mesmo diferentes. A minha mãe guardou as coisas melhores e mais giras com imenso cuidado e está horrorizada de me ver dar a roupa toda de bebé. Acha que eu devia guardar para os meus netos (ou até para um sobrinho se a minha irmã tiver filhos, quer do lado do meu marido todas as minhas cunhadas já fecharam a loja). Se calhar, devia, mas não é do meu feitio guardar coisas para futuros bebés quando há tantas crianças necessitadas. Já dei quase tudo para o Apoio à Vida que precisa de fazer os enxovais para os bebés que vão nascer e para outras instituições que eu sei que são sérias e apoiam famílias que precosam. E dá-me muita alegria saber que há bebés carenciados que vão vestir roupas lindas, quase novas, cheirosas, fofinhas e de boa qualidade. Com as vendas de roupas nos grupos do FB há cada vez menos pessoas a dar roupa a quem precisa, ou então só dão aquelas velhas e rotas... Mas obrigada mãe por teres guardado este vestido e este garanto que não vou dar e vou guardar com muito amor e carinho... 

1 comentário:

  1. Olha que é mesmo giro! Eu sou como tu, sempre desejosa de despachar coisas...

    ResponderEliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!