10 de outubro de 2016

Estou muito chocada com a reportagem da TVI... Love You Mom!

Não conhecemos a versão dos serviços sociais do Reino Unido, até podemos só conhecer parte dos factos, mas estou muito triste/ incomodada com a reportagem da TVI sobre as crianças que são retiradas às famílias no Reino Unido...



2 comentários:

  1. Eu não vi. Só vi bocadinhos. Doeu-me...mas trabalhando eu numa àrea semelhante, num país onde tudo é tratado oficialmente pelo Estado, penso que privatizar a adopção só podia dar nisto!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os não caucasianos podem dormir descansados porque a procura recai sobre os pobres, caucasianos, saudáveis e estrangeiros. "Eles" querem bebés e estão de olho no seu útero, na sua saúde e na do seu bebé.
      Os malandros estão de olho nas mocinhas. Compram-nas pra fazer o que todos nós sabemos o que se faz.
      Cuidado que eles têm muito poder. A intenção é que não procriem (Malthus). É ou não é uma forma bastante desencorajadora?
      Ajuda-se várias indústrias: a das "famílias compradas", dos devaneios sexuais por mocinhos, da escratura moderna, da poupança da segurança social e do aperfeiçoamento da raça.
      Agoracom o Brexit , IDE embora e deixai cá os escravos de amanhã, por favor. Vocês vão e quem fará o vosso trabalho amanhã? Alguém tem de ser submisso, meus caros.
      Esperneiem mas os bebés ficam porque ninguém mas ninguém mesmo vos pode defender. Sois inaptos. Não se unem. Não se defendem. Falam mas nada se faz.
      Infelizmente.

      Eliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!