28 de agosto de 2015

Roupa de bebé

Para festejarmos a escolha do nome eu e o Maridão fomos ao Corte Inglês para ver umas roupinhas para a Francisca. E só consegui comprar um body e um babygrow. Os preços eram completamente escandalosos e eu recuso-me a dar 80€ por uma camisola para as primeiras semanas de vida. Era tudo a preços exorbitantes. Havia coisas queridas na Laranjinha, claro, mas eu não consigo gastar aquelas fortunas numa roupa que vai durar apenas umas semanas. Sei que ainda vou apanhar os saldos do início de Janeiro e vão ser óptimos para fazer mais compras, até lá vou espreitar a Zippy e a H&M e também a Zara que têm preços mais acessíveis e coisas giras. Claro que quero comprar uns conjuntos fofinhos para os primeiros dias, a primeira roupa tem de ser especial, mas com calma e bom senso, que cada vez mais tenho de fazer uma boa gestão do orçamento familiar. Deixo as Marias Gordas da vida para a minha mãe e tias!! 

2 comentários:

  1. Eu também não dou esses valores por uma peça de roupa que dura 15 dias no máximo. Posso dar esses valores por outras coisas porque dou preferencia a peças seguras e robustas, como um bom carro de bebé, cadeira da papa ou cadeirinha auto, mas para peças de roupa também não. Tal como tu também aguardo por essas ofertas.

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É exactamente como eu! Bom carrinho, boas cadeiras e acessórios importantes e de segurança. Os trapos querem-se giros, confortáveis e de bom algodão, mas que não custem um ordenado!!

      Eliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!