11 de novembro de 2013

O primeiro presente de Natal

Comprei hoje o primeiro presente de Natal. É para a cunhada que me saiu no "sorteio dos manos" que é como chamamos ao sorteio que fazemos, todos os anos, e onde a cada um é atribuído um irmão ou cunhado a quem tem de dar presente. Já aqui disse que a família do meu marido é gigante. Só irmãos e cunhados somos 13! Por isso, cada um só tem de comprar um presente. E assim tem mais tempo e mais dinheiro para comprar o presente certo para quem lhe calhou em rifa. A minha cunhada T. foi primeira contemplada. E espero até ao fim do mês comprar os presentes todos. Detesto deixar para a última hora e fazer compras à pressa e no meio de multidões enfurecidas! 

3 comentários:

  1. Nós fazíamos assim mas acabamos por deixar se dar aos adultos e agora é só para as crianças!

    ResponderEliminar
  2. Que bom uma grande familia. Infelizmente nós vamos sendo cada vez menos. De todos os da minha geração só eu tive filhos. De qualquer modo é uma época de que gosto muito, é quentinha :)
    Gosto especialmente dos presentes simples e feitos por quem os ofereçe.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também tinha uma família muito pequena até me casar, mas sempre tinha sonhado com uma família grande, muita gente à mesa e à roda da árvore de natal, muitos primos, muitos filhos e afins! Felizmente casei com um homem que além de ser maravilhoso tem uma família grande e fantástica e, assim, pude realizar o meu sonho de ter uma família grande. E uma das minhas grandes alegrias é a sorte que os meus filhos têm por pertencer a uma família muito grande, heterógena e muito unida! Beijinhos e já agora espreita o passatempo Medithai aqui do blog... Quem não gosta de uma boa massagem?

      Eliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!