Muitas lágrimas no Jardim de Infância

O meu doce Afonso ficou outra vez num pranto. Ao colo da educadora, com os braços estendidos para mim, um choro agonizante e um mãeeeeeeeeeeeeeeeeeee!!!! de súplica, de desespero. Saí de lá com o coração nas mãos. Eu sei que ele depois fica bem, mas agora diz que não gosta da escola e quer estar com o pais. Coração de mãe sofre... 

Comentários