11 de julho de 2015

Neto único e filho único

Hoje os meus filhos tiveram tardes diferentes e especiais. O mais velho foi com a avó ver a exposição de fotografia do Sebastião Salgado e depois foram jantar os dois. O pequeno teve honras e filho único e o pai foi buscá-lo para irem ao parque e aos caracóis. O mais pequeno vinha feliz, perguntou pelo mano mas teve a minha exclusividade até ir dormir. O mais velho abraçou-me muito e quando eu lhe disse que já eram horas de dormir disse: mas eu tenho tantas saudades tuas e o mano esteve muito contigo e eu não... Tenho saudades! Sei que todos os argumentos são válidos para adiar a ida para a cama, mas este abraço com declaração sabe bem... Garanti-lhe que íamos ter um mega fim de semana todos muito juntos e em família para matar todas as saudades de uma tarde separados!! 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!