2 de abril de 2014

Regresso ao trabalho e ao berçário

O Afonso regressou ao trabalho. Ficou bem. Fui descansada para o meu novo primeiro dia de trabalho. Gostei muito da nova equipa (ontem organizaram logo um jantar de boas vindas) e estou super feliz com o projecto! Liguei à educadora a meio da manhã e soube que ele choramingou quando a porta se fechou e deixou de me ver. Fiquei com o coração apertado, mas ela disse logo que o distraíram com brinquedos e ele ficou bem. Fiquei mais descansada. Ao final do dia, só queria chegar à escola para apanhar os meus filhos. Já passava bastante da hora a que eu no último ano os ias buscar. Quando ele me viu a mim e ao mano começou numa alegria imensa. Dava gargalhadas e dava aos pés e aos braços. Que maravilha. E a auxiliar que lá estava, a que é mais uma avó para o meu bombocas, disse que ele esteve bem, mas que passou o dia a apontar para a porta e a dizer mãe. Mas que esteve muito bem. E eu acredito que sim. E espero que sim. Agora não sei se é desta humidade, frio e mau tempo ou se foi do regresso ao ambiente do berçário, mas o certo é que ele já está com uma ligeira farfalheira ao respirar. Esperemos que não seja nada e que ele aguente este regresso ao berçário. Que ele esteja com o sistema imunitário mais forte e que o tempo melhore para andarem por aí menos viroses e meninos ranhosos.

2 comentários:

  1. Espero, muito sinceramente, que esse regresso corra bem. A minha pequena continua! Évuma semana umas coisas, outra semana outras... Uma tortura! Vale-me mãe e sogros! Beijinhos e parabéns pelo novo trabalho!

    ResponderEliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!