18 de fevereiro de 2019

Um artigo cheio de verdade

Esta entrevista ao Mário Cordeiro foi-me hoje enviada por esta amiga que sabe que estou cansada, nos limites e a sentir-me engolida... E logo a história da noite já vai ser com outra calma, menos stress... menos correria... O problema tem sido que apesar de jantarmos cedo - eles demoram horas a comer - depois demoram que tempos entre o lavar dos dentes, o pijama... e o relógio não pára, e eu preciso que eles vão dormir porque lhes faz bem muitas horas de sono, e porque eu também preciso de um bocadinho para mim, ou para trabalhar, para namorar, para ler ou ver televisão... 

1 comentário:

  1. Também estou com dificuldade a conseguir esse bocadinho... e só tenho um... mais um marido claro, por isso conta como dois!

    ResponderEliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!