19 de novembro de 2017

E as noites da Francisca? Como vão?

Continuamos no treino. Ela pede colo. Eu não cedo. Digo que é para dormir, que é noite e que ela tem colo quando acordar de manhã. Ela chora e grita. Eu falo com voz calma, mas zangada: a mãe não gosta nada desta fita da Kika, que já é grande e tem de dormir deitada na sua cama. Quando ela insiste muito nos gritos eu digo que vou chamar o pediatra (digo o nome do médico) e ela diz que não... E eu mando deitar. E ela pede colo. E acaba por deitar. Eu tapo-a. Beijo-a e dou as boas noites. Ela ainda choraminga, eu tranquilizo e saio. Ontem estivemos nisto das 21h30 às 23h... Mas depois dormiu directa até às 9h30 da manhã!!! Foi tão, mas tão bom!!!! Isto vai lá... Com persistência e amor. 

3 comentários:

  1. E com muita calma e paciência. Obrigada por partilhar connosco esses "pedacinhos" de vida.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Esse treino, para mim, não dava. Pede colo? Tem colo! Não aguento ouvi-los chorar. (Não é uma crítica.)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se ela fosse Bebé e não percebesse para mim também não dava, nunca consegui deixar chorar, mas eu estou ali ao lado dela, falo, explico que tem de dormir, que tem de deitar e fico ali até ela se deitar e eu a tapar e aconchegar. E ela depois dorme bem e conseguimos descansar todos, o que era imperativo porque estávamos a ficar para lá de exaustos... ela está quase a fazer 2 anos.

      Eliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!