23 de setembro de 2013

5 meses de Afonso!

5 meses do bebé mais doce, risonho e fofo do mundo. Este bebé ensinou-me que um recém-nascido pode ser um bebé tranquilo que come e dorme bem. Ensinou-me a desfrutar dos primeiros meses de vida de um bebé na plenitude máxima e sem ansiedades. Ensinou-me que no coração de mãe cabem muitos filhos, pois o amor de mãe não se divide, multiplica-se. E é maravilhoso ver a relação dos manos. O mais velho super meigo, sempre aos beijos e aos abrços e sempre muito orgulhoso do seu mano. O mais pequeno ri-se todo para o mais velho. O meu filho mais velho sempre que ouve a música "O homem do Leme" lembra-se que era a música que estava a dar quando ia com o pai conhecer o mano. E eu lembro-me que tenho de dar muitas, mas muitas graças por ter dois filhos tão maravilhosos. E há 5 meses estava a chegar à Cuf. Muito barriguda. Orgulhosamente grávida. E desejosa de conhecer o Afonso. Tinha o receio dos rins (hoje voltamos lá para a terceira eco de controle, mas até agora a evolução é perfeita e tudo está a normalizar) e estava preparada para meses e meses de cólicas e de noites em claro. O Afonso trocou-me as voltas e não teve cólicas nenhumas e a única noite má que me deu foi na subida do leite em que queria mamar de hora a hora. Obrigada, meu Deus!

2 comentários:

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!