4 de outubro de 2019

Sexta feira!

Não só é véspera de fim de semana, como, melhor ainda, é a única tarde sem atividades! Este ano entre o futebol dos rapazes (este ano tenho dois atletas em campo), a natação de todos e a bateria, mais o leva e trás a cada escola faz com que a semana seja muito intensa. Isto, mais os trabalhos de casa que o meu filho traz, todos os dias, nesta estreia do 1º ano! Só à sexta podemos ir para o parque, sem correrias... Entre os deixar a todos de manhã e as 17h15, hora em que apanho a Kika, tenho de trabalhar, vender projetos, escrever livros e outros textos! É um privilégio poder trabalhar como freelancer -  até porque com o horário do meu marido, se trabalhássemos os dois dessa forma, não víamos os nossos filhos, nem sei... - mas é uma grande ginástica diária! E financeira, também! Que a maior parte das agências, editoras e produtoras estão a pagar a 60 dias após a entrega dos trabalhos! É duro! Mas vai-se gerindo, tenho também mais disponibilidade para tratar das tarefas da casa, o que significou numa grande redução de ajuda doméstica - até porque como trabalho em casa não dá jeito nenhum ter uma pessoa a limpar e a aspirar... Acho que encontrámos um bom equilíbrio, sinto que os consigo acompanhar, que eles não passam demasiado tempo nas escolas e que estão felizes, apesar de continuarem a implicar uns com os outros de uma forma que deixa doente... Mas é a vida, são irmãos, são pequenos, e implicar e bulhar faz parte... 


Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!