Um nó na garganta

Que notícia tão triste ao acordar. Há muitos mortos. E há crianças, crianças portuguesas feridas.

Comentários