15 de julho de 2013

Angústia pós parto

Sonhava com estas férias. As primeiras férias a quatro. Imaginava que iam ser as melhores férias de sempre. O meu filho mais velho há meses que pedia para virmos para o Algarve, o meu marido precisava de descansar e de estar em família como pão para a boca e eu queria ter a família de 4 reunida. No entanto, tem corrido tudo ao contrário. As minhas hormonas estão ao rubro e choro quando me zango ou me enervo. O meu filho mais velho não me obedece. Está a medir forças comigo e não faz nada do que eu digo. As guerras para comer estão ainda mais infernais. Eu fervo em muito pouca água. O meu marido, que vinha exausto, antevê umas férias muito problemáticas. Eu e o Afonso temos de ir cedo para a praia, até porque as tardes estão super ventosas e é impossível ir para a areia, mas o meu filho mais velho demora horas para comer o pequeno almoço. E eu em nervos a ver que vou chegar à praia e meia hora depois tenho de voltar para casa. Acabo por arrancar sozinha com o baby. Hoje, na praia estava a dar de mamar quando chamei o mais velho para lhe pôr mais creme protector solar. Ele ignorou-me. Disse que ia contar até três e que se ele não viesse ficava de castigo. Continuou a ignorar-me. Acabei de contar até três e como ele continuou a ignorar-me disse que logo ele não ia jogar matraquilhos depois do jantar. Furioso, levanta-se, e atira com areia para cima de mim e do irmão que estava a mamar. Foi o stress. Fiz uma cena, aumentei o castigo e vim para cima com omitais novo com o meu marido a mandar-me acalmar. Estou desesperada e sem saber como lidar com esta nova fase. A rotina a 4 em Lisboa estava criada, estava a funcionar bem e, de repente, precisamos de encontrar uma nova rotina a 4 que funcione as 24 horas do dia... E não está a ser nada fácil. Eu sinto-me cansada e com pouca paciência para as asneiras e provocações do meu príncipe mais velho e ele deve sentir a falta da mãe dele... E por isso, andamos nisto. Estou stressada com as horas e com as rotinas, não estou a conseguir estar feliz apesar de ter tudo o que preciso para ser feliz... Espero conseguir dar a volta a este mau humor, ansiedade e estado de nervos. Até me já me ocorreu agarrar no Afonso e ir para Lisboa... E só me apetece é chorar. E hoje apetecia-me um cigarro. Desde o nascimento do Afonso, a 23 de Abril, nunca mais tive vontade de fumar, mas hoje apetecia-me ir sentar à beira-mar, sozinha, a fumar um cigarro. Mas não o vou fumar porque sei que faz muito mal ao Afonso. E, neste momento, é com ele que sinto maior ligação. Estou mesmo em baixo. Quem me ouvir deve pensar que sou parva e ingrata... Espero regressar em breve com outras palavras e alegria na voz.

8 comentários:

  1. Nada parva e nada ingrata! Tem calma! Não é fácil. Quando fui as primeiras vezes para a praia com a miúda estava num Stress enorme , mas depois respirei fundo e acalmei. É normal que tu com 2 filhos ainda seja mais stressante. Tenta dar mimo ao mais velho e que o pai ajude nos limites a serem impostos e assim preocupas-te menos. Principalmente respira fundo, pede ao teu marido que fique um bocadinho com os 2 e vai respirar algum ar puro e chorar se for preciso.
    Beijinhos muito grandes

    ResponderEliminar
  2. Olá. Primeiro respira fundo! Depois chora e dá dois berros que faz muito bem! E depois tenta ver como podes concentrar-te no mais importante. Tens as mamadas que não podes falhar: ok! Tens os sonos do mais novo: aproveita e mima o mais velho! Se for possível vai à frente para a praia com o mais novo (ou então dá o pequeno almoço aos mais velho já na toalha da praia!) E liberta-te um pouco das obrigações de mãe e deixa o Pai intervir. Eu tenho 2 filhos também (e muitas vezes passo-me com o mais velho). Sabes o que tem resultado: digo ao meu marido - por favor trata disto senão eu vou lá e tenho que lhe berrar/passar-me/etc. E deixo-o tratar à sua maneira (mesmo que não seja exactamente como eu tinha pensado). Dividir(os problemas)para reinar(a paz!) E é normal quando saímos da rotina eles também ficarem algo destabilizados. Quebra alguma das tuas regras (só durante as férias) e tenta aproveitar esses dias só a 4. Boas férias

    ResponderEliminar
  3. olá
    acho que nunca escrevi aqui, mas sinto-te tão triste... tb passei por isso no 2º filho, e a melhor e unica dica q posso dar: releva... o filho não quer tomar o p almoço? come qq coisa depois na praia... não quer vir colocar o protector? vais tu ter com ele e entre brincadeiras, vais ver q consegues... estão em férias... aproveita os teus 3 amores estas semanas, e em Lx as rotinas tornam-se mais fáceis

    ResponderEliminar
  4. Olá minha querida! Sei o que estas a passar. Eu tenho 3 rapazes e já tive férias em que só desejava era voltar a casa.... O que tenho aprendido é tentar relaxar, sei que não é fácil quando se tem crianças e se tem fazer tudo perfeito! Que comam direito, que só vão para a praia nas horas correctas, que nos obedeçam a 1ª! Tudo isso é muito difícil de gerir, por isso a certa altura há que ir para a praia na hora do calor, há que os deixar não comer, há que os deixar desobedecer para mais tarde voltar a instalar a rotina com as baterias carregadas! Coragem e aproveita bem as férias!!! bjs

    ResponderEliminar
  5. que tenhas muita força querida! Que corra tudo bem!!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  6. Obrigada a todas do fundo do meu coração pelas palavras. É isso mesmo, respirar fundo e deixar andar um pouco fora das rotinas. Tenho de ser menos rígida para aproveitarmos melhor. Quero sempre ser perfeita e acabo a estragar tudo. Já estou com outro ânimo. Obrigada!!! Muito obrigada pelos vossos testemunhos. Sinto que não sou a única a passar por isto e isso é muito reconfortante. Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Imagino como será, se com um não é fácil com dois então... Mas descomplica. Será o melhor para todos e poderes aproveitar os teus três amores.

    ResponderEliminar
  8. Olá, deve ser difícil e eu para a semana tb vou pela 1ª vez com o baby de férias, mas como o mais velho já tem 13 anos é mais fácil. Mas acho que se deve esquecer as rotinas, férias são férias, sem horários, sem rotinas, mais descontraídos, com regras mas mais flexiveis. Relaxe e aproveite o momento, quanto mais relaxar, vai ver que o seu filhote tb vai se portar melhor e se não quer comer, não insista come depois. A mudança de ambiente tb mexe com eles, mais do que nós pensamos.
    E se precisar "fuja" 10 minutos e chore, berre e desabafe, vai ver que depois se sentirá muito melhor. Eu faço isso muitas vezes...
    BOAS FÉRIAS E APROVEITE, ELAS PASSAM RÁPIDO!

    ResponderEliminar

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!