19 de dezembro de 2012

Festa de Natal do filhote

Emociono-me sempre nas festas do meu filho. Mal entram os minorcas do berçário já eu estou de lágrima ao canto do olho ao som das músicas de Natal. Hoje não foi excepção e quando vi entrar o meu filhote transbordei de alegria e de emoção. Ele viu-me e disse-me logo um grande adeus ao mesmo tempo que avisava a educadora que eu estava ali. Dançou imitando as gotas de chuva, com os seus 18 amigos da sala, e no fim da coreografia com chapéus de chuva fez uma vénia de agradecimento... Coisa mais rica da minha vida! Eu, o pai e a avó estávamos felizes por estar ali com ele a viver aquele momento, para o qual ensairam muitos dias. No final, quando o abracei, perguntou se eu estava orgulhosa. Esta é agora uma pergunta frequente. Gosta de sentir e de saber que temos orgulho nas pequenas e grandes conquistas da sua vida. É tão bom ser mãe deste meu piolho... Mesmo quando tem os seus ataques de birra! 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!