DIA DOS IRMÃOS

É tão bom ter irmãos! Tenho uma irmã que adoro e sempre achei que o melhor que podia dar aos meus filhos eram irmãos! Custa-me quando os vejo às lutas e em zangas, mas sei que não podem viver uns sem os outros. Incutimos-lhes o espírito de equipa do "um por todos e todos por um!" e espero que se apoiem sempre e que sejam toda a vida amigos e cúmplices, que nunca se faltem uns aos outros. 

 DIA DOS IRMÃOS
           Mensagem da Associação Portuguesa das Famílias Numerosas



Este é já o quarto ano consecutivo que celebramos, em Portugal, o Dia dos Irmãos a 31 de maio, depois de, em 2014, as famílias numerosas europeias terem instituído nessa data a celebração anual da efeméride. Ninguém tem dúvidas da importância que os irmãos podem ter na nossa vida. São quem nos acompanha na infância, estão presentes na maior parte das nossas memórias, foram os primeiros companheiros de aventura, os primeiros amigos. Ninguém se conhece como irmãos, ninguém se zanga como os irmãos, ninguém se aceita como os irmãos. Esta cumplicidade que vem da partilha e do amor merece ser celebrada!
Os irmãos são parte de nós, parte da nossa história. O que acontece entre irmãos molda-nos para toda a vida. Desafia-nos a crescer e a lidar com as frustrações, a partilhar espaço, coisas e atenção com outros, ensina-nos a lição da amizade, do perdão. Se a soubermos preservar, esta relação fica, mesmo quando os nossos pais já partiram. É o melhor presente que recebemos deles. 

Como refere a deliberação que institui o Dia dos Irmãos, “o que vivemos entre irmãos é único, irrepetível, molda a nossa vida para sempre.”
Encerre o Mês da Família celebrando a vida com os seus irmãos!

Comentários