20 de novembro de 2018

A pior experiência do mundo com a montagem dos roupeiros do Ikea

Ontem estive das 9h às 17h25 presa por causa dos roupeiros do Ikea. Tinha uma entrega de dois roupeiros básicos. Chegaram às 11h30 e refilaram da casa estar em obras, que se iam embora. Eu expliquei que os quartos onde iam instalar os roupeiros estavam prontos para a montagem e que estes tinham de ser montados antes de se colocar o chão, porque o peso destes roupeiros pode empenar e levantar o chão flutuante. Ordens da arquiteta da obra. Quando me viram a ligar para o Ikea disseram que afinal montavam, até porque eu tinha mencionado que a casa estaria assim. Um ficou e outro disse que já vinha. E ficou um a montar. A montar mal, empenou uma porta de correr, enganou-se nas montagens, trocando onde eram as gavetas e os cestos... um dos roupeiros não encaixou... Foi todo um dia de nervos, de stress... Estive das 9h às 17h30 de pé, no meio de uma obra. Já fiz reclamação, mas o dia de ontem ninguém me paga, até porque não ficou resolvido... Um dos roupeiros não ficou bem, o tipo sozinho empenou as portas, altas, e que não são para montar só uma pessoa, e o oyro, não sei como ele fez, mas um dos módulos não encaixou... Vão lá hoje os responsáveis da minha obra, parece que ao revestirem com pladur uma das paredes perdemos ali uns milímetros... Não sei. Vejo o tempo a avançar, só tenho casa arrendada até ao fim de dezembro... e sozinha com os miúdos a gerir a obra, o meu trabalho, os miúdos... e para a semana chega a cozinha, também do Ikea, e até tremo só de pensar que podem estar medidas incorretas... aí a montagem é a cargo do empreiteiro, mas sei lá... era suposto ter a casa pronta até ao final do mês, e está longe de estar pronta... 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!