13 de dezembro de 2018

Lá consegui "fugir" da reunião e cheguei a tempo à festa dos minis!

A minha Mini odiou, esteve sempre séria em palco, fez tudo o que era suposto, ao som do Rudolfo, mas assim que a festa acabou abraçou-se ao mano mais velho, que tinha ido à festa dos irmãos, e quebrou num pranto... O filhote finalista do Jardim de Infância estava feliz e maravilhoso, como bola da árvore de Natal! A festa estava bonita, as famílias lá todas e um lanche fantástico preparado pelos pais dos finalistas para angariarmos dinheiro para a viagem de finalistas!! E hoje à hora de almoço mais uma corrida, desta vez para assistirmos à festa de natal do filho grande!! Eu com três filhos já me vejo grega, aqueles com 4, 5, 6 e 7... Ainda ontem falava com uma mãe de 8, super zen, que conheço já há anos lá da escolinha, apanhei sempre filhos dela nas salas dos meus, e que me dizia: há umas manhãs mais atribuladas, nem tudo é sempre tão tranquilo... e eu só dizia, não sei como conseguem... Mas a verdade é que conseguem... tal como conseguem tantos outros casais, como conseguiu a minha sogra, mãe de 8, e as irmãs, mães de 5, 7, 8 e 8... como consegue a auxiliar da sala da minha Kika, mãe de 9... 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Gosto de saber o que as outras vidas têm a dizer sobre isto!